14 fevereiro, 2009

Pra você ...



Um dia ele chegou tão diferente do
seu jeito de sempre chegar


(...)Então ela se fez bonita com ha muito
tempo não queria ousar


Com seu vestido decotado cheirando a guardado
de tanto esperar (...)


(...)E cheios de ternura e graça foram para a praça e
começaram a se abraçar (...)

(...)E foi tanta felicidade que toda cidade enfim se iluminou


(...)E o dia amanheceu

Em
paz.



Não importa o porque naquele tempo não ter acontecido.

Hoje sei que precisávamos desses todos caminhos para que quando nos encontrássemos estivéssemos "limpos”.

O que existia de bom
e que permanece é todo o carinho e admiração e aquela intensidade em dizer as coisas sem medo de ferir, sem tentar proteger, protegendo.

Iniciamos assim uma
nova história.

Ele diz que depois de tudo que viveu nesses
anos, se encontra pálido, com sorrisos não tão abertos.

Eu
colorida que me fiz, proponho dar tons a essa
palidez.

Percorrer os corredores do super mercado,
na escolha do ingrediente certo para a tal massa que iremos cozinhar juntos,
para combinar com os vinhos que já estarão comprados, é e será o inicio
daquilo que almejamos.

Hoje não esperamos nada além de
momentos simples de felicidade, alegria, paz.

Dormir
embaralhando pernas, sentindo uma de suas mãos em meu seio e sentindo sua
respiração junto aos meus cabelos que repousam sobre seu
rosto.

Ouso,dizer,que a palidez dita por ele já não é mais a mesma, percebo
até um tom meio avermelhado lá no fundo, uns rabiscos verde claro, um pouco
de azul pra combinar com o amarelo que desponta lá no canto e um lilás
clarinho, bem aqui, aos pés dessa alma que hoje reencontro.

De

11 comentários:

Loira* disse...

Que seja um compartilhar colorido e alegre, sempre!!
Bjsss

Marcio Icarus disse...

Estarmos limpos. Leves.
Fica difícil não pensar nas coincidênciasque tinhamos antes, e que temos agora.
Antes estavamos cheios de desejo. Semelhantes em expectativas. Não acredito que saberemos um dia exatamente porque não aconteceu. Concordo que não importa. Só importa o que o tempo fez conosco. Limpou mesmo. Deixamos pra trás amarras, lastros, adornos que hoje vemos como desnecessários, até inúteis e fúteis. Percebebo que, ao mesmo tempo, por caminhos e meios diferentes, descobrimos o simples. O lógico. É bom ser gostado, ser querido, e porque não, ser amado. Carinho é bom. Sentir saudades é vital. Leveza, hoje, imprescindível. E descobrimos tudo isso e muito mais, ao mesmo tempo. Perceber que o tempo fez tudo isso, com o mérito de deixarnos com a sensação que ele nem passou, não tem preço. Hoje te acolho e me acolhes. Sem estruturas nem liturgia. Só a entrega ao feliz desejo de ver as cores um do outro. Que venha o carnaval...Logo...

Maria disse...

Cruzando os dedos, aqui, para que as cores brilhem muito fortes - e que o carnaval chegue logo, sem quarta-feira de cinzas!!!

Beijos!!!

lia disse...

Que seu carnaval o carnaval chegue logo, que o desejo escorra por todos os poros , queos dias sejam poucos para tanto querer.........
Desejo aos dois tudo que existe bom.
beijos
lia

loka pela lua disse...

que tudo seje colorido como a arco iris!

que todas as cores brilhem na sua vida...

que rasgue a fantasia do passado e vista a da alegria,da paz e da esperança nesse carnaval!

ps...esse promete hem!
kkkkkkkkkkkkkkkkkk

loka pela lua

Janaina Amado disse...

Licia, estou retribuindo sua visita tão gentil lá no enredosetramas. Gostei do seu blog, das coisas que você escreve, e vou voltar pra conhecer mais. Não estou conseguindo, entretanto, ver as imagens do seu blog - no lugar delas, há um X pequeno, e espaço branco. Sou ruim de internet, tô aqui de ousada - você me ajudaria? Como faço para ver suas imagens? Tô curiosa pra ver tanta cor, já imaginei como seriam!

Irinæ© disse...

Li!!!!!!!!!!!!!!
Té que enfim consegui encontrar o lugar pra postar comentários.... só pelamordedeus num me pede pra fazer de novo que não sei se consigo.
O Blog tá lindo... ficou leve... iluminado... o fundo branco, as molduras negras, além de darem contraste valorizaram as fotos (se é que alguma delas precisava ser mais valorizada, té parece, com o bom gosto que vc tem)
Dos textos não vou nem falar... acho que não precisa... acho que tem coisa que é pra sentir... só sentir... sem tentar por em palavras...
Saudades
Irinæ©

Licia disse...

Janaina linda
Se tu não entende de internet calcule eu (risos)
Vou tentar ver quem possa explicar e te digo.
Adorei que tenha vindo,
Grata

De

Licia disse...

Irinae do cèu
O que vc esta fazendo perdida aqui mulher?
Sumiu do messenger e da minha vidinha ?(rs)

beijos
De

Licia disse...

Loira, Maria e Marcio
Eu que nunca curti carnaval,não vejo a hora desse chegar rs

beijos
De

Licia disse...

Lokinha
Já disse pro cê que ce é maluquinha?
Se bem que esse trem de rasgar ,eu gostei(imagina se for com os dentes ) rs

beijos
De