21 junho, 2008

Quero saber...

Eu quero saber...

Não me interessa o que você faz para viver,eu quero saber o que de fato você busca e se você é
capaz
de ousar sonhar em encontrar as aspirações do seu coração.

Não me interessa a tua idade.

Eu quero saber se você será capaz de se transformar num tolo

para poder amar, viver os seus sonhos, aventurar-se de estar vivendo.

Não me interessa qual o planeta que está em quadrante com a tua lua.

Eu quero saber se você tocou o centro da tua própria tristeza, e se você

tem sido exposto pelas traições da vida ou se você tem se contorcido e

se fechado com medo da própria dor.

Eu quero saber se você é capaz de ficar com a alegria, a minha e a sua.

Se você é capaz de dançar loucamente e deixar que o êxtase te envolva

até a ponta dos dedos dos pés e das mãos, e sem querer nos aconselhar a

sermos mais cuidadosos, mais realistas ou nos lembrar das limitações de ser humano.

Não me interessa se a história que você está me contando é verdadeira.

Eu quero saber se você é capaz de desapontar o outro para se verdadeiro consigo mesmo.

Se você é capaz de escutar a acusação de traição e não trair a sua própria alma.

Eu quero saber se você pode ser confiável e verdadeiro.

Eu quero saber se você pode ver a beleza, mesmo quando o dia não está belo,e se você pode

conectar a sua vida através da presença de Deus.

Eu quero saber se você é capaz de viver com os fracassos, os teus e os meus,

e mesmo assim sepostar nas margens de um lago 

e gritar para o reflexo da lua, "SIM"

Não me interessa onde você moro ou quanto dinheiro você ganha,

eu quero saber se você é capaz

de acordar depois da noite do luto e do desespero,

exausto e machucado até a alma, e fazer aquilo que precisa ser feito.

Não me interessa o que você é, ou como você chegou aqui.

Eu quero saber se você irá postar-se no centro do fogo comigo e não fugir.

Não me interessa onde, o quê ou com quem você estudou.

Eu quero saber o que te sustenta interiormente quando tudo o mais desabou.

Eu quero saber se você é capaz de ficar bem consigo mesmo, e se você

realmente é boa companhia para si mesmo nos momentos vazios.

6 comentários:

Vampira disse...

Li,

Isso aqui resume todo o texto:
"Eu quero saber se você é capaz de desapontar o outro para se verdadeiro consigo mesmo.
Se você é capaz de escutar a acusação de traição e não trair a sua própria alma.
Eu quero saber se você pode ser confiável e verdadeiro."

Sim, eu sou capaz.
Não me trair em minha essência e condição existencial é respeitar o suficiente as demais condições a ponto de não trai-las tbem. Pra muitos, soa como decepcionante e arrogante de minha parte, pra mim é apenas gozar de minha liberdade de ser quem eu sou.

beijooooooooooooooos.

{Vita} disse...

Olá queria {licia}_Kl,
agradeço o convite e a oportunidade de deleitar-me com textos e imagens tão lindas (é a segunda vez que venho aqui hoje).
Te parabenizo por seu espaço, tão cheio de significados e beleza... e pela escolha do texto desta postagem, realmente um convite à reflexão.
Te deixo mil beijos e sds respeitosas ao seu Senhor.
Aguardo sua visita tb.

Básica disse...

Li....

eu quero afirmar que ter lido este texto "hoje" , foi muito bom, e vc sabe o porque...

beijos com muito carinho

Maria disse...

Voce cita: "Não me interessa a tua idade. Eu quero saber se você será capaz de se transformar num tolo
para poder amar, viver os seus sonhos, aventurar-se de estar vivo."

É o que vivo e respiro deste meu lado e nesta história inesperada de que você acompanha cada passo...

Gosto demais de você, amiga querida!!! Suas palavras sempre me calam na alma!

Lilian disse...

Respondo a tantos questionamentos ao longo da vida, este texto é certeiro ao perguntar o que o que realmente importa, ele vai ao âmago dos valores da ética e da caridade!
Maravilhoso presente!
Grata Licia por compartilhar
{lilian}_Kl

Kleiton* disse...

"Eu quero saber se você é capaz de viver com os fracassos, os teus e os meus,e mesmo assim se postar nas margens de um lago e gritar para o reflexo da lua...."

Ser capaz de conviver com os fracassos teus e meus, só é possivel para aqueles que falam com alma, olham nos olhos, assumem seu erros e faz deles um novo inicio, permeando a relação pelos acertos egritando para a lua, que mesmo que nada seja perfeito, mais imperfeito é não ter fracassos para gritar.

bjos

Seu Dono