03 dezembro, 2008

♥ Profunda...Mente

Orei...

Precisava "esvaziar-me".

Andava eu como uma represa

sempre prestes a transbordar.

Onde as lagrimas brotavam nos olhos sem
verterem à fronte,
negando-me o alivio necessário.

O choro a principio veio calmo ,
como se esvaísse por alguma fresta pequenina.

Depois foi aumentando, aumentando,
como se a fresta tivesse se feito um
rombo,
uma enorme abertura,
onde a água fluía em exagero.

Muitas imagens foram se formando
e nesse esvaziar-me, fui me libertando de magoas,
duvidas, muitas lembranças,
algumas ilusões que teimava ainda em
acreditar
e também algumas ,antes certezas.

Entre soluços e espasmos de
dor, começava a reinar uma calma alegre.

E aquele que estava sendo o meu ,mais
difícil dia-noite,
foi-se fazendo alegre, claro ,
como um céu repleto de estrelas numa noite
enluarada.


Na madrugada fria,
percorrendo alamedas rodeadas de jardim ,
desse lugar onde vou as vezes,
para um encontro comigo,
e com o cosmo -
fui me reencontrando.

Na solidão que reinava, e que os muitos amigos permitiam acontecer, fui aprendendo a olhar-me novamente.

Nessa jornada,enxerguei que ao percorrer caminhos tortuosos,mesmo que atordoada por momentos,posso criar um senso de direção mais apurado e continuar o caminho .

Deparei-me com uma pessoa nova,
guerreira,segura,doce,mesmo que realista.

Também reencontrei uma menina levada,
cheia de pequenos sonhos e muitas vontades.

Junto a todas essas que sou ,estava também
a mulher lasciva ,desejosa,e cheia de fantasias
a serem realizadas.

A luz desses tão significantes encontros,
algumas resoluções foram tomadas.

Devo fazer apenas o que me der prazer,
nunca algo que vá agradar apenas a outro,
mesmo que esse outro seja foco de minha paixão.


Hoje, esvaziada de tantos ais, vejo-me
enfim,
liberta, leve e finalmente feliz.

Plena,
intensa,
profunda,
inteira e completa.



Denise

4 comentários:

lia disse...

De...Licia , agora esvaziada , se prepare para retomar o preenchimento da taça da vida com o melhor champanhe francês.
Ler seu texto é um presente de Natal antecipado......
Milhões de abraços
lia

básica disse...

Li......

o rasto da onça é pior do que a mordida dela né... quando deparamos com o bote do bicho, vemos que na verdade a super valorização do problema foi dada por nós mesmos, e se criamos o problemas só cabe a nós elimina-lo... vc tem feito isso com tanta propriedade... e está brotando uma licia.. que é uma de........... licia mesmo... com coragem se limpou do pó e curou a renite.. agora é viver

Loira* disse...

Como é bom chorar, é entrar dentro de nós e ser capaz de ver-nos por inteiro. Chorar de tristeza pela dor sofrida e transforma-lo em choro de alegria pela dor que se foi...
Tenho certeza que com a consciencia do seu EU vc encontrará sua paz.
Beijos minha amiga, conselheira, briguenta e amorosa Licia...

Anônimo disse...

...è muito bom, limpar gavetas, tirar as teias e lavar toda a roupa,a vida nasce todos os dias em nos,então brindemos a ela!

seje sempre vc,plena, unteira e feliz!

um abração....

loka pela lua